Como montar um cronograma de estudos

Algumas pessoas estão me perguntando como fiz o cronograma que eu postei esses dias no meu Facebook. Na verdade, peguei vários textos sobre organização e montei o “meu método”, mas a base é a seguinte:

1) Peguei o edital do concurso que vou prestar (atualmente, Escrevente do TJ/SP*) e separei as matérias pelo peso atribuído a cada uma na prova;

2) Fiz uma tabela separando as que sei mais e só preciso manter, as que sei menos e as que não sei quase nada;

3) Atribuí a cada matéria um certo número de horas de estudo de acordo com esses dois critérios. Por exemplo, Língua Portuguesa tem peso maior, mas eu sei bastante = 1h; Direito Administrativo eu não sei quase nada e tem peso “mais ou menos” = 1h30; Direito Penal tem peso menor, mas eu sei pouco = 1h, e assim vai.

4) O total do cronograma deu 20h. Isso significa que em 20h eu terei passado por todas as matérias do edital. Porém, ele é bem flexível, não corresponde a uma semana de estudo porque em vez de estabelecer os dias e horários certos, eu simplesmente coloquei “estudar 1h de Português”, e não “estudar Português na segunda, às 20h”. Pra mim funciona melhor porque minha semana é bagunçada e eu gosto de viajar no final de semana. Então quando estou mais de boa cumpro o cronograma em 5 dias; quando estou mais atarefada, demoro 1 semana e meia, e por aí vai.

5) Percebam que o cronograma é colorido. Cada cor significa que as matérias dessa cor são parecidas. Ex.: Civil e Penal tem muitos conceitos; as matérias de Processo tem muitos prazos; Administrativo, Constitucional e Normas da Corregedoria têm a ver com governo, administração, etc. Essas matérias têm que ficar longe uma da outra na montagem do cronograma, pra não confundir tudo.

6) Agora é só montar a grade e distribuir as matérias, de preferência em blocos de 1h ou 1h30, lembrando que entre um bloco e outro é necessário levantar, tomar uma água, esticar as pernas, brincar com o cachorro… enfim, fazer uma pequena pausa (10 a 15 minutos no máximo). O meu ficou assim:

DSC_1544-1

7) Quando terminar o cronograma, reavalie se ele atendeu suas necessidades e se preciso edite ou monte outro. Por exemplo, do último pra esse eu reduzi o tempo de matemática de 4h para 2h, pq estou sabendo mais do que eu pensava.

Esse método serve pra QUALQUER concurso de qualquer área, OAB, vestibular, provas da facul ou o que você quiser, pra mim tá funcionando superbem! Organização é a chave de tudo e faz muita diferença na hora de estudar!

Boa sorte e bons estudos!

*Update: graças principalmente a esse método acertei 87 questões na prova do TJ! =D

Anúncios

2 comentários sobre “Como montar um cronograma de estudos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s